O data driven marketing, como o próprio termo diz, nada mais é do que o marketing orientado por dados. Graças aos avanços tecnológicos, o data driven marketing vem se desenvolvendo de forma cada vez mais estratégica e se tornando um pilar importante para marcas e empresas que prezam por ações de marketing traçadas a partir de dados concretos.

O objetivo de aplicar o data driven marketing é abandonar o campo das especulações para tomar decisões embasadas e menos hipotéticas. Assim, o consumidor passa a ser o centro das estratégias de marketing da sua empresa, que por meio de dados estará apta a realizar campanhas direcionadas para o público correto e no momento certeiro.

Para isso, é importante ter uma plataforma de gerenciamento de dados, tornando a comunicação e o marketing mais ágeis e personalizados. Se você quer aplicar o data driven marketing à sua empresa, mas ainda tem dúvidas a respeito do assunto, acompanhe o nosso conteúdo.

O que faz o data driven marketing?

O data driven marketing traz soluções para a sua empresa em curto, médio e longo prazo.

Em curto prazo, a captura de dados é uma solução que gera a redução de custos, pois, a partir do entendimento e da segmentação de quem é a persona ou o consumidor foco do seu negócio, fica mais fácil criar ações de marketing assertivas.

Com informações valiosas em mãos, é possível gastar exatamente o necessário com as estratégias de marketing.

Em médio prazo, a aplicação do data driven marketing faz com que sua marca tenha melhor entendimento sobre detalhes e nuances a respeito do seu público.

Dessa forma, a partir dos dados, sua marca vai analisar melhor se os produtos e serviços estão realmente atendendo às necessidades e resolvendo os problemas dos seus clientes e potenciais clientes.

Cabe então avaliar se é necessário realizar mudanças para que eles sejam oferecidos e, de fato, vendidos de forma mais inteligente, impactando as audiências com alta assertividade.

Já em longo prazo, a sua empresa aplicará a análise de dados de forma mais eficiente, o que certamente acarretará em resultados mais concretos para o seu negócio.

Em longo prazo, a empresa pode também realizar testes com campanhas que deram os resultados esperados ou não, criando melhores padrões e parâmetros para as próximas, segmentando públicos e lançando produtos mais alinhados ao comportamento e à realidade do consumidor.

Por que investir no data driven marketing?

O uso de dados no marketing é uma prática crescente, mas ainda há muito para ser explorado. De acordo com a 3ª edição do estudo The Global Review of Data-Driven Marketing and Advertising, realizado pela aliança Global DMA e pela consultoria Winterberry Group em parceria com anunciantes de todo o mundo, 73% dos profissionais brasileiros têm total confiança no valor que o marketing orientado por dados representa para as empresas, principalmente pensando nos próximos anos.

Assim, é importante entender que quanto mais complexo for o seu negócio — as operações e processos da sua empresa —, maior será a necessidade de aplicar o data driven marketing para tomar decisões com base em dados concretos.

Lembrando que é possível começar essa mensuração com ferramentas mais básicas e ir evoluindo para plataformas intermediárias como as Customer Data Platform (CDP) e as Data Management Platform (DMP), dois tipos diferentes disponíveis no mercado.

Vale destacar ainda que uma estratégia de marketing digital com falhas na segmentação de personas e dados inconsistentes em relação ao mercado e ao consumidor pode gerar resultados negativos para a sua empresa. Daí a importância de se usar plataformas tecnológicas e implementar processos corretos para aproveitar os dados de forma consistente.

Como aplicar o data driven marketing à sua empresa?

São várias as formas de aproveitar ao máximo o marketing orientado por dados. O data driven marketing pode ser aplicado na criação de campanhas de e-mails segmentadas. Essa aplicação acontece a partir das informações coletadas para segmentar públicos e a lista de convites para quem enviará suas campanhas.

Por meio do data driven é possível determinar quem são os consumidores mais importantes para a estratégia da sua empresa e como gerar resultados satisfatórios para eles.

Outra forma de aplicar o data driven marketing é segmentar sua base de clientes em potencial, coletando dados para fazer uma abordagem única ao seu possível consumidor. Por meio dos dados é possível ainda ter insights para melhor segmentação das campanhas, fornecendo assim os conteúdos, produtos e serviços de real interesse dos clientes.

O data driven marketing também pode ser aplicado no acompanhamento da presença da sua marca das mídias sociais. Por meio de ferramentas de data driven marketing, vai ser possível mensurar se a presença da sua empresa é sólida nas redes sociais ou se é preciso criar planos de ação para melhorar o engajamento com o consumidor. Além disso, é importante acompanhar dados dos clientes que se conectam com a sua empresa.

Outra maneira de aplicação é capturar o comportamento dos clientes. Os dados que a sua empresa coleta podem ter um grande impacto no planejamento futuro do seu negócio para obter o melhor Return On Investment (ROI). O acompanhamento de dados sobre o comportamento do consumidor poder ajudar a sua empresa a entender melhor os interesses e os desejos dele.

Pois bem, acho que já deu para perceber a importância de metrificar os dados e com isso ser capaz de criar estratégias de marketing mais direcionadas para a sua empresa, não é mesmo? A aplicação do data driven marketing ajuda na compreensão de todo a jornada de consumo, e sem uma ferramenta não é possível acompanhar cada etapa desse processo e entender a fundo o seu público.

E então? Precisa de uma plataforma de gerenciamento de dados para marketing digital, mas ainda não sabe exatamente quais as funcionalidades elas têm para ajudar no impacto de audiências com alta assertividade? Para se informar melhor sobre essa tecnologia, entre em contato com a Hariken e saiba como é possível coletar dados, exportar informações e segmentar os clientes nos mais variados tipos de canais.

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Adonis Batista

CEO e Nômade

Previous Campanha nas redes sociais: saiba como montar uma efetiva!
Next Lifetime Value: Tudo que você precisa saber.
Close

NEXT STORY

Close

Guia completo sobre Social Ads

17/03/2018
Close